Artesanato

Fechaduras de Madeira

Estas fechaduras, produção de cariz tradicional na mais pequena ilha do arquipélago, associada à vida rural, algumas ainda existentes, sobretudo nas casas de abrigo da faina agrícola, constituem um produto emblemático do artesanato local que manteve a sua relevância ao longo dos séculos, tornando-se indissociável da história da Região e dos Corvinos. […]

Confeção de Bonecas

Alguns elementos vegetais que foram introduzidos nos Açores, como o milho, o trigo e o dragoeiro, deram origem à produção de artefactos de natureza decorativa, como as flores e as bonecas. Para a confeção das bonecas de folha de milho, as folhas são escolhidas, secas e, quando necessário, ripadas e, por vezes ainda, tingidas. Existe, […]

Cestaria

A arte de trabalhar as fibras vegetais revela um entendimento da terra, do clima, dos ciclos vegetativos, das plantas e suas características. Revela, também, saberes antigos e técnicas transmitidas de geração em geração. Os açorianos sempre procuraram dar resposta aos desafios do seu quotidiano, demonstrando imaginação e engenho na aplicação e transformaçã[…]

Cerâmica
Chapelaria

Produzida segundo as técnicas da cestaria, apresenta-se como um artefacto cheio de simbolismo, evidenciando uma atividade própria, identificadora da sua origem, durante muito tempo, confinada à ilha do Pico e generalizada às demais ilhas, em meados do século passado, quando começou a ser exportada para a América. Uma das atividades que caracterizou a freguesia de […]

Empalhamento

O trabalho do vime não se restringiu à produção de cestos. No Século XIX, surgiu na confeção de mobiliário, para se adequar à moda romântica das moradias de veraneio e dos jardins de Inverno. O empalhamento é outra técnica aplicada ao vime e complementar à atividade de um cesteiro. Com técnicas similares, utilizando os mesmos […]

Capacharia

A agricultura fornecia, indiretamente, mas em grande abundância, matéria-prima para os mais diversos artefactos, uns de natureza funcional, como os capachos. Paralelamente à cestaria, esta produção artesanal desempenhou, inicialmente, uma função complementar à agricultura e adaptou-se às necessidades domésticas. Os Capachos de folha de milho, de palha de trigo, de espadana, de junco ou até […]

Outras Artes e Ofícios Não Certificados

Os Açores dispõem de uma riqueza de criações artesanais tanto ligadas a atividades económicas específicas como à arte popular e à imaginação. De facto são inúmeras e variadas as obras de interesse e qualidade produzidas pelos nossos artesãos. No meio de uma diversidade de técnicas e de materiais utilizados, enleva-se a autenticidade […]

Fibras Vegetais

As fibras vegetais constituíram, tal como a madeira, um dos primeiros recursos naturais ao alcance dos povoadores do Arquipélago dos Açores. Eram facilmente obtidas a partir do junco, da cana bambu, da espadana, do vime e do dragoeiro. A agricultura veio fornecer indiretamente outros elementos vegetais como a folha de milho e a palha de […]

Alfenim

O Alfenim é um doce feito com açúcar, água e vinagre, de antiga receita oriental e com uma longa história. Chegou à Península Ibérica pelas mãos dos árabes que lhe chamavam “al-fenid” que significa aquilo que é branco, alvo. Os espanhóis levaram-no até ao México e os portugueses até ao Brasil. Do continente passou para […]